Aguarde

Casos de conjuntivite aumentam no inverno

Doce Nascer Notícias em 14/07/2015 00:53:58
Aumentam os casos de conjuntivite no inverno

No inverno, as pessoas estão mais propensas a terem problemas oculares, de acordo com pesquisas do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO). Isso acontece, basicamente, pelo fato de permanecerem em lugares fechados e usarem casacos que estavam guardados há algum tempo. De acordo com o oftalmologista do Hospital VITA Batel, Roberto Veleda Bermudez, os casos de conjuntivite, por exemplo, aumentam em aproximadamente 40% no inverno, quando comparados aos outros períodos do ano.

A conjuntivite é uma inflamação da conjuntiva ocular, que pode ser alérgica, bacteriana ou viral. Ela pode ser transmitida pela proximidade com pessoas infectadas e baixa imunidade, e aumentam nos dias frios pela proximidade de secreção nasal, estado gripal, entre outros.

O oftalmologista alerta para a necessidade de manter a saúde dos olhos em dia. É comum procurar ajuda oftalmológica somente quando surgem problemas que causam incômodo ou quando se encontra alguma dificuldade para enxergar. "Para evitar sustos e complicações com os olhos e a visão, o agendamento de check-ups regulares, ao menos uma vez ao ano, é fundamental", destaca Bermudez.

Confira abaixo sete dicas simples que podem ajudar, e muito, quem deseja cuidar melhor destes órgãos, que são considerados "a janela da alma":

1 - Use óculos de sol

Os óculos de sol são essenciais para proteger os olhos das agressões solares. Segundo Bermudez, a exposição ao sol sem proteção, mesmo que por um curto período, pode causar ceratite (inflamação da córnea causada por fungos, bactérias ou vírus). É importante observar o nível de proteção das lentes, que deve ser de 99 a 100%, contra os raios UVA e UVB. Os óculos de sol devem ser usados mesmo em dias nublados. Além disso, é extremamente importante usar óculos de sol de boa procedência.

2 - Descanse os olhos

Quem costuma ficar horas a fio em frente ao computador pode nem notar, mas a quantidade de \\\\\\\\"piscadas\\\\\\\\" diminui significativamente nessas situações, causando fadiga ocular. Pare durante certos momentos do dia e desvie a visão a um ponto distante, mantendo-a assim por um minuto. Isso permite à vista descansar, evitando dores de cabeça e perda da capacidade visual.

3 - Lave as mãos e higienize adequadamente as lentes de contato

Mãos limpas evitam o risco de infecções, principalmente na hora de colocar e retirar as lentes de contato. Estas, por sua vez, devem estar sempre desinfetadas e "dentro da validade". Lentes envelhecidas e mal higienizadas podem causar sérios danos às córneas, comprometendo-as de forma irreversível. O uso de lente de contato deve ter orientação médica.

4 - Não use colírio sem prescrição médica

O uso de colírios, incluindo os chamados adstringentes, só deve ser feito com recomendação médica. Há colírios que podem até perfurar a córnea ou causar glaucoma.

5 - Não compartilhe maquiagem

A região dos olhos é a que mais recebe produtos de maquiagem no dia a dia. Lápis, máscara para cílios, delineador, curvex, sombra e pinceis são itens usados diariamente por grande parte das mulheres. No entanto, os olhos acabam sofrendo por conta do mau uso dos produtos, o que inclui a utilização de itens vencidos, limpeza de pele mal feita e, principalmente, por compartilhar os produtos com outras pessoas.

6 - Hábitos alimentares saudáveis

Pode parecer "clichê", mas a dieta influencia diretamente a saúde ocular. É importante investir em alimentos ricos em betacaroteno, que ajuda a evitar a degeneração natural dos olhos. A substância é encontrada em legumes e frutas amarelo-alaranjados, como abóbora, mamão e cenoura - e em vegetais folhosos verde-escuros, como espinafre, couve, brócolis e chicória.

7 - Olho na Balança

Controlar o peso corporal também é muito importante para manter a visão saudável. Sobrepeso e obesidade podem desencadear outras doenças, como diabetes, que estão associadas diretamente a males como retinopatias e glaucoma. Por isso, vale redobrar a atenção quando o assunto é dieta balanceada e prática regular de atividades físicas.
E claro se você acabou adquirindo conjuntivite não tenha contato com bebês e crianças. 

Comentários

Você precisa estar logado para poder comentar.

Fazer login
  • Nenhum comentário encontrado.